segunda-feira, 14 de julho de 2008

Segunda-feira

É difícil sair da cama de manhã. Muito difícil. É difícil sair do chuveiro quente. Muito difícil. Mas, ele faz o meu café e acha graça da minha cara de sono e me leva lá naquela avenida movimentada e atravessa a rua segurando a minha mão. A gente conversa e ri e faz planos pro dia que começa. Hoje, com sol. Calorzinho bom danado na pele e na alma.

4 comentários:

tatit disse...

desde às 7h com os olhos abertos, mas acho que ainda agora estou na minha cama quentinha. segunda demora pegar no tranco.

besos.

Aline disse...

Ele facilita né, o amor?

Lubi disse...

linda!
ia falar que você está sumida no twitter.
mas, que nada. você está vivendo.

um beijo.

Ju disse...

E ainda tá linda de cabelo lisinho e voando... :)