terça-feira, 9 de junho de 2009

Doamor.

Caixa de entrada. Apagar mensagens. Aí, descobri aquela sms de dezembro no celular que recebi domingo. A única que escapou. Enviada justamente pelo responsável por transferir os dados de um aparelho para outro. Suspeito assim. Achei graça e tive vontade de sair da reunião só pra telefonar e dizer que achei a coisa mais linda. Porque o amor também se fortalece nessas delicadezas. Eu acho.

Hoje tô sentindo ondas de ternura. Sem falar da saudade. Sinto muita saudade sempre. E queria que meu presente chegasse hoje e não lá pelo dia 17, nem sei quando é o dia 17. É um agrado, do jeito que me é possível fazer. Preferia estar perto no dia do aniversário e ouvir todas as histórias entre-sorrisos, porque é assim que ele me fala: entre-sorrisos. É bonito que só, é único e é eterno, não tem jeito.